collapse

Autor Tópico: Engodo: a "essencia" da pesca ao feeder  (Lida 26559 vezes)

0 Membros e 1 Visitante estão a ver este tópico.

Offline A Machado

  • Marlin
  • *****
  • Mensagens: 4040
  • Agradecido: 185 vezes
  • Eu...hum... eu é que sou o Comendador.....
    • Braga VVD
  • No Pesqueiro desde:
  • 12:21 Segunda, 28 de Julho de 2014
Re: Engodo: a "essencia" da pesca ao feeder
« Responder #30 em: 17:43 Quarta, 21 de Outubro de 2015 »
Não está autorizado a ver ligações. Registe-se ou Entre
Não está autorizado a ver ligações. Registe-se ou Entre
Machado,

Em vez de sardinha fresca ou congelada, usa sardinha em lata :)) é mais caro mas não fica tanto cheiro :)) para pescar o mugem em água doce, misturada com pão ralado ou farinhas é uma maravilha :D

uma receita muito usada na lagoa em lever para pescar tainhas
e com resultados

Epá....com amigos assim, não preciso de inimigos.... ;D ;D

Eu quero lá saber de tainhas ou pescar no rio :o

Só quero sargos ou robalos. Claro que se aparecer um badejo, também marcha.

Falaram-me numa receita de engodo que é com comida seca de gatos á base de peixe moída, misturar sardinha ou atum em lata, acrescentando algum óleo de sardinha até obter a consistência pretendida. Ainda não experimentei.
Os políticos e as fraldas devem ser mudados frequentemente e pela mesma razão (Eça de Queiroz)
 

Offline José Garcez

  • Marlin
  • *****
  • Mensagens: 1675
  • Agradecido: 5 vezes
    • Leça do Balio
  • No Pesqueiro desde:
  • 20:11 Segunda, 23 de Dezembro de 2013
Re: Engodo: a "essencia" da pesca ao feeder
« Responder #31 em: 17:44 Quarta, 21 de Outubro de 2015 »
E então ó Machado? :D é basicamente a mesma coisa que usamos no rio, o efeito é o mesmo, outra espécie e outro habitat :))
"Ninguém é tão ignorante que não tenha algo a ensinar. Ninguém é tão sábio que não tenha algo a aprender" Blaise Pascal
 

Offline A Machado

  • Marlin
  • *****
  • Mensagens: 4040
  • Agradecido: 185 vezes
  • Eu...hum... eu é que sou o Comendador.....
    • Braga VVD
  • No Pesqueiro desde:
  • 12:21 Segunda, 28 de Julho de 2014
Re: Engodo: a "essencia" da pesca ao feeder
« Responder #32 em: 17:49 Quarta, 21 de Outubro de 2015 »
Não está autorizado a ver ligações. Registe-se ou Entre
Não está autorizado a ver ligações. Registe-se ou Entre
Amigo Hugo,

ainda bem que tudo está bem e pacificado, no entanto, convém continuar a investir algum tempo na pesquisa de um engodo marítimo, ligeirinho e que, não me livrando do cheiro pestilento da sardinha (já está meio esclarecido), possa pelo menos diminuí-lo  :D ;)

Aguardo em pulgas, a nova receita de engodo de sardinha com aroma de Barca Velha, é só uma sugestão delirante.. 


AHAHAH como lhe disse ainda está em construção e não gosto muito de fazer divulgações sobre produtos inacabados antes que receba  umas críticas daquelas :D ...mas desta vez vou abrir uma pequena excepção para revelar apenas algumas ideias que me andam a pairar pela mente e que tenho testado (não tanto como queria  :'( )

Para evitar a pestilencia da Sardinha ( que não dispenso num engodo de água salgada devo acrescentar ) procure integrar as seguintes ideias nos seus engodos :

1- o óleo recolhido das latas de atum em conserva pode ser conservado em garrafas de plástico e é um excelente aditivo cheio de nutrição e aroma com um extra... ao atribuir ao seu engodo um elemento oleoso, faz com que este não se dissolva com a mesma facilidade na água, uma vez que as farinhas impregnadas de óleo se "impermeabilizam" de certa forma, preservando a sua constituição por um pouco mais de tempo.

2- Crustáceos : eles adoram e nós também não é mesmo? O ideal seria apanhar crustáceos na hora e pisá-los e adicionar às nossas farinhas ou incorporar uma farinha de crustáceos à nossa mistura .... versão para poupar : algumas ( 1 por kg de engodo) saquetas de creme de marisco instantâneo daquelas de marca branca que custam cerca de 70 cêntimos cada. Eu sei que não é a mesma coisa, mas adiciona poder atractivo ao engodo. Experimentei apenas duas ou três vezes e não nas melhores condições não posso dizer que foram as melhores pescarias da minha vida mas não gradei xD

3- pão ralado vermelho é uma boa farinha base colante para um engodo de mar, a sua cor potencia em geral qualquer engodo deste tipo ...para isso demolhe pão rijo numa solução (1:20) de corante vermelho e água e depois de bem ensopado esprema-o e desfaça-o à mão dispondo a pasta num tabuleiro. Leve ao forno até secar bem, deixe arrefecer e rá-le ou pique numa picadora

...  e pronto não se trata de pesca ao feeder mas deixa lá... são apenas algumas dicas espero que interessem a alguém :) 



Excelente.

O vermelho é um qualquer ou será a tal Barca Velha?
Quanto aos caldos de marisco também me parece ser boa opinião, visto que tem um toque de goma que poderá servir como aglutinador.

Ainda vou acabar a pescar com Knorr de caldo de peixe..hehe

Obrigado
Os políticos e as fraldas devem ser mudados frequentemente e pela mesma razão (Eça de Queiroz)
 

Offline A Machado

  • Marlin
  • *****
  • Mensagens: 4040
  • Agradecido: 185 vezes
  • Eu...hum... eu é que sou o Comendador.....
    • Braga VVD
  • No Pesqueiro desde:
  • 12:21 Segunda, 28 de Julho de 2014
Re: Engodo: a "essencia" da pesca ao feeder
« Responder #33 em: 17:51 Quarta, 21 de Outubro de 2015 »
Não está autorizado a ver ligações. Registe-se ou Entre
E então ó Machado? :D é basicamente a mesma coisa que usamos no rio, o efeito é o mesmo, outra espécie e outro habitat :))

Mas se eu levar o chouriço, esse comemos nós, certo ?
Não tarda nada, temos os peixes a ligarem para saber se vamos pescar e onde, terminando com a pergunta: Aceitam reservas ?  :D
Os políticos e as fraldas devem ser mudados frequentemente e pela mesma razão (Eça de Queiroz)
 

Offline José Garcez

  • Marlin
  • *****
  • Mensagens: 1675
  • Agradecido: 5 vezes
    • Leça do Balio
  • No Pesqueiro desde:
  • 20:11 Segunda, 23 de Dezembro de 2013
Re: Engodo: a "essencia" da pesca ao feeder
« Responder #34 em: 17:51 Quarta, 21 de Outubro de 2015 »
Sim, sim :)) olha que nos Acores o frango é muito utilizado para iscar e engodar aos sargos, portanto, se calhar com caldo knorr torna-se ainda mais irresistivel  :))

E admira-te se também se lançarem ao chouriço  :LooooL:
"Ninguém é tão ignorante que não tenha algo a ensinar. Ninguém é tão sábio que não tenha algo a aprender" Blaise Pascal
 

Offline Hugo Tarrafa

  • Robalo
  • ***
  • Mensagens: 140
  • Agradecido: 6 vezes
    • Pampilhosa
  • No Pesqueiro desde:
  • 15:29 Sábado, 10 de Outubro de 2015
Re: Engodo: a "essencia" da pesca ao feeder
« Responder #35 em: 17:55 Quarta, 21 de Outubro de 2015 »
Amigo dpeneireiro, desculpe não ter percebido à primeira :) e sim nesse caso a farinha dos restos dos bolos deve-se provar óptima :)

Os casos dessas lagoas são de veras preocupantes, mais uma vez eu aconselho cautela ... de facto não me preocupo com o uso da tal farinha no meu engodo mas também é facto que evito (evito mesmo) pescar com engodos em águas paradas, sei que satura a água e pode ser prejudicial ao peixe.
 Cautela e bom censo nunca foram demais ;)


Obrigado  ;)
 

Offline A Machado

  • Marlin
  • *****
  • Mensagens: 4040
  • Agradecido: 185 vezes
  • Eu...hum... eu é que sou o Comendador.....
    • Braga VVD
  • No Pesqueiro desde:
  • 12:21 Segunda, 28 de Julho de 2014
Re: Engodo: a "essencia" da pesca ao feeder
« Responder #36 em: 17:56 Quarta, 21 de Outubro de 2015 »
Não está autorizado a ver ligações. Registe-se ou Entre
Sim, sim :)) olha que nos Acores o frango é muito utilizado para iscar e engodar aos sargos, portanto, se calhar com caldo knorr torna-se ainda mais irresistivel  :))

E admira-te se também se lançarem ao chouriço  :LooooL:

Ora, com umas frangas até eu vou ao engodo.....

PS - Amigo, que raio de avatar é este ? O peixe... até é um bom peixe mas, pelo menos, tira o Senhor do Gorro... ;D
Os políticos e as fraldas devem ser mudados frequentemente e pela mesma razão (Eça de Queiroz)
 

Offline Hugo Tarrafa

  • Robalo
  • ***
  • Mensagens: 140
  • Agradecido: 6 vezes
    • Pampilhosa
  • No Pesqueiro desde:
  • 15:29 Sábado, 10 de Outubro de 2015
Re: Engodo: a "essencia" da pesca ao feeder
« Responder #37 em: 18:04 Quarta, 21 de Outubro de 2015 »
Amigo Machado,


Uma Barca Velha ? Para peixes? ...ponho me já a nadar :D

Mencionou um engodo do qual eu também já ouvi falar mas que não me convenceu muito na altura não sei explicar o porquê... agora ando mortinho por deitar a gadunha a um saco de farinha de peixe (ração de aquacultura)...aí sim !! mas não tenho encontrado, só a versão "mini" para pesca lúdica que já sabemos custava os olhos da cara ...

Obrigado Saúde e boas pescarias!!
« Última modificação: 18:06 Quarta, 21 de Outubro de 2015 por Hugo Tarrafa »
 

Offline kalvas

  • Gestor do Pesqueiro
  • Marlin
  • *****
  • Mensagens: 14311
  • Agradecido: 923 vezes
    • Sintra
  • No Pesqueiro desde:
  • 20:48 Segunda, 30 de Dezembro de 2013
Re: Engodo: a "essencia" da pesca ao feeder
« Responder #38 em: 19:26 Quarta, 21 de Outubro de 2015 »
Não está autorizado a ver ligações. Registe-se ou Entre
Já agora, para carpas cozo o trigo com açucar. Mais alguém faz o mesmo?

Quando cozo só uso um pauzinho de canela.
Sei de pessoal que carrega elementos,mas não vejo diferença.
Trabalhador por obrigação ; pescador por gosto.
 

Offline Hugo Tarrafa

  • Robalo
  • ***
  • Mensagens: 140
  • Agradecido: 6 vezes
    • Pampilhosa
  • No Pesqueiro desde:
  • 15:29 Sábado, 10 de Outubro de 2015
Re: Engodo: a "essencia" da pesca ao feeder
« Responder #39 em: 20:59 Quarta, 21 de Outubro de 2015 »
Não está autorizado a ver ligações. Registe-se ou Entre
Não está autorizado a ver ligações. Registe-se ou Entre
Já agora, para carpas cozo o trigo com açucar. Mais alguém faz o mesmo?

Quando cozo só uso um pauzinho de canela.
Sei de pessoal que carrega elementos,mas não vejo diferença.


Já eu, trigo é uma das únicas coisas ao qual não adiciono qualquer aroma extra, mas não o uso para fisgar, apenas incorporado em farinhas .... se quisesse fisgar com trigo possivelmente usaria erva doce ou baunilha para aromatizantes :) são dois aromas da minha preferencia juntamente com aniz e banana com morango. Tudo isto para a carpa claro :)
 

Offline JVieira

  • Marlin
  • *****
  • Mensagens: 3404
  • Agradecido: 549 vezes
    • Pnf city
  • No Pesqueiro desde:
  • 13:02 Sexta, 17 de Janeiro de 2014
Re: Engodo: a "essencia" da pesca ao feeder
« Responder #40 em: 21:47 Quarta, 21 de Outubro de 2015 »
Não está autorizado a ver ligações. Registe-se ou Entre
Não está autorizado a ver ligações. Registe-se ou Entre
Não está autorizado a ver ligações. Registe-se ou Entre
Já agora, para carpas cozo o trigo com açucar. Mais alguém faz o mesmo?

Quando cozo só uso um pauzinho de canela.
Sei de pessoal que carrega elementos,mas não vejo diferença.


Já eu, trigo é uma das únicas coisas ao qual não adiciono qualquer aroma extra, mas não o uso para fisgar, apenas incorporado em farinhas .... se quisesse fisgar com trigo possivelmente usaria erva doce ou baunilha para aromatizantes :) são dois aromas da minha preferencia juntamente com aniz e banana com morango. Tudo isto para a carpa claro :)

O mundo da culinária é uma coisa fantástica...  :lol:

Um abraço,
(que boa pesca... não se deseja a ninguém)

José Vieira
 

Offline Hugo Tarrafa

  • Robalo
  • ***
  • Mensagens: 140
  • Agradecido: 6 vezes
    • Pampilhosa
  • No Pesqueiro desde:
  • 15:29 Sábado, 10 de Outubro de 2015
Re: Engodo: a "essencia" da pesca ao feeder
« Responder #41 em: 22:01 Quarta, 21 de Outubro de 2015 »

Amigo JVieira,

Boa observação de facto... mas resulta ;)


Obrigado, Saúde e aquilo que não gosta que lhe desejem, para todos :D
« Última modificação: 22:05 Quarta, 21 de Outubro de 2015 por Hugo Tarrafa »
 

Offline JVieira

  • Marlin
  • *****
  • Mensagens: 3404
  • Agradecido: 549 vezes
    • Pnf city
  • No Pesqueiro desde:
  • 13:02 Sexta, 17 de Janeiro de 2014
Re: Engodo: a "essencia" da pesca ao feeder
« Responder #42 em: 22:41 Quarta, 21 de Outubro de 2015 »
Não está autorizado a ver ligações. Registe-se ou Entre

Amigo JVieira,

Boa observação de facto... mas resulta ;)


Obrigado, Saúde e aquilo que não gosta que lhe desejem, para todos :D


Tem dias... tal como o desejar boa pesca.  8)

Desde que pesco que me lembro de confeccionar alguns dos meus engodos, mas acabo sempre por voltar aos comerciais. O preço que se paga por farinhas de qualidade faz com que no final a diferença entre um quilo de engodo "caseiro" e um quilo de engodo "comercial" seja de cêntimos.
Tentar fazer um engodo barato recorrendo à utilização de farinhas baratas ou de fraca qualidade, por exemplo a farinha para frangos (farinha 115), não me convence muito, apesar de ter consciência que há quem o use e até eu já o ter utilizado algumas vezes com algum resultado.

Para que um engodo funcione... temos que ter fé nele!  :sim:  É como o "Código Postal"... é meio caminho andado. :mrgreen:

Um abraço,
(que boa pesca... não se deseja a ninguém)

José Vieira
 

Offline Hugo Tarrafa

  • Robalo
  • ***
  • Mensagens: 140
  • Agradecido: 6 vezes
    • Pampilhosa
  • No Pesqueiro desde:
  • 15:29 Sábado, 10 de Outubro de 2015
Re: Engodo: a "essencia" da pesca ao feeder
« Responder #43 em: 23:37 Quarta, 21 de Outubro de 2015 »
Não está autorizado a ver ligações. Registe-se ou Entre
Não está autorizado a ver ligações. Registe-se ou Entre

Amigo JVieira,

Boa observação de facto... mas resulta ;)


Obrigado, Saúde e aquilo que não gosta que lhe desejem, para todos :D


Tem dias... tal como o desejar boa pesca.  8)

Desde que pesco que me lembro de confeccionar alguns dos meus engodos, mas acabo sempre por voltar aos comerciais. O preço que se paga por farinhas de qualidade faz com que no final a diferença entre um quilo de engodo "caseiro" e um quilo de engodo "comercial" seja de cêntimos.
Tentar fazer um engodo barato recorrendo à utilização de farinhas baratas ou de fraca qualidade, por exemplo a farinha para frangos (farinha 115), não me convence muito, apesar de ter consciência que há quem o use e até eu já o ter utilizado algumas vezes com algum resultado.

Para que um engodo funcione... temos que ter fé nele!  :sim:  É como o "Código Postal"... é meio caminho andado. :mrgreen:

    Tem toda a razão, temos de ter fé no engodo que estejamos a utilizar assim como temos de ter fé no nosso equipamento e acima de tudo em nós próprios... quanto à sua experiência de engodos caseiros nada sei sobre isso, tenho, como já referi, manufacturado  o meu próprio engodo tem já algum tempo, nunca tive decepções totais mas sim experiências que me levaram a este ou aquele melhoramento e neste momento tenho algumas receitas já bem resolvidas e com pouco espaço para melhoramento dentro daquilo que procurei em cada uma.
    O facto de usar farinha para pitos e outros ingredientes à primeira vista de fraca qualidade não me chateia nada porque no fim o produto resultante é de facto eficaz. Consigo fazer um bom engodo com uma média de um euro e meio por quilo por exemplo ao passo que já comprei engodos de marca, a dois euros o kg (do mais baratinho possível) que não eram lá grande coisa amigo... e este termo de engodo caseiro por vezes até dito de forma meio depreciativa ou desacreditante por vezes não me agrada :) Pensemos bem, mas que raio de ingredientes mágicos ou processos milagrosos terão as companhias de fabrico  de engodo que qualquer um de nós com um pouco de engenho e talvez alguma bricolage e pesquisa não consiga reproduzir até alguma extensão em sua casa casa?
     Limito-me a usar ingredientes simples e de acesso acessível que já se encontram (muitos deles) presentes em engodos de marcas consagradas. Lembremos que o milho, trigo, fava e outros grãos são coisas indispensáveis num engodo e de acesso extremamente facilitado e baratas!! Farinhas produzidas desses mesmos cereais continuam a ser baratas, farinha de biscoito, de bolacha são acessíveis e eu até faço algumas que ficam ainda mais baratas; pão, pão ralado (até com cores) também o são... aromatizantes, quantos quer no mercado? não são a coisa mais barata do mundo mas também não arrancam a pele a ninguém :D E se quiser fazer uma espécie de aditivo, um  aroma para acrescentar ao engodo, também não custa nada depois deixo as receitas... as poucas coisas que ainda tenho forçosamente de comprar em lojas de pesca são ervilhaca e cânhamo( que poderia comprar a um gajo numa esquina mas corria o risco de ser preso eheh ;) ) e claro iscos vivos :) ... de resto olhe, para carpa cozo o meu milho com baunilha, outro com morango e ainda outro com erva-doce e chocolate (Ai lá se vão os segredos todos  ;D ), para barbos por vezes uso tremoço...cozo o meu trigo, faço os meus aditivos e preparo os meus engodos ...
    Com isto não digo que os comprados não prestam, nem que estou acima deles, só que gosto de ter as coisas a meu jeito: ao meu jeito de pesca e ao meu jeito de carteira ;)
 

Offline JVieira

  • Marlin
  • *****
  • Mensagens: 3404
  • Agradecido: 549 vezes
    • Pnf city
  • No Pesqueiro desde:
  • 13:02 Sexta, 17 de Janeiro de 2014
Re: Engodo: a "essencia" da pesca ao feeder
« Responder #44 em: 00:53 Quinta, 22 de Outubro de 2015 »
A minha fraca experiência com engodos já vem desde 1982, ano em que comecei a fazer pesca de competição e a confeccionar os meus próprios engodos, dos quais saliento o "quatro, quatro, dois, um" (parece táctica de futebol). As farinhas que faziam parte da sua composição eram a farinha de fava, a farinha de milho, a farinha de noz ou de amendoim e o pão ralado. O "quatro, quatro, dois, um" representava as quantidades, em partes, de cada uma das farinhas. A partir do momento em que deixei de conseguir arranjar a farinha de fava, que comprava aos 25kg de cada vez, deixei de fazer este engodo e parti para outro... mas como não há amor como o primeiro...
Quanto à comercialização do cânhamo, é verdade que foi proibida mas penso que esta espécie de embargo já foi levantado há algum tempo. O problema é que a maioria do cânhamo que agora compramos não rebenta ou germina depois de posto de molho ou de cozido. Segundo consta, as sementes passam (ou passavam) por uma espécie de torrefacção para as "matar" o que faz com que apenas algumas rebentem ou germinem.
Houve um período em que a maioria do cânhamo vinha da Bélgica e apesar do seu óptimo aspecto e tamanho... "não valia a ponta de um corno".

p.s. Se me indicar onde arranjar farinha de fava... pode ser que ainda tente pôr a mão na massa.  ;)

Um abraço,
(que boa pesca... não se deseja a ninguém)

José Vieira
 

 

* Tópicos Recentes

Conjunto por PFDF [Hoje às 11:47]

Surfcasting- Tripé ou espeto ?! por Ricardo Pepino [Hoje às 07:56]

DÚVIDA - GRADES por WilsonQuasepescador [Hoje às 01:46]

Pesca á boia costa da Caparica por kalvas [22:17 Terça, 30 de Novembro de 2021]

Zagaias e Pingalins -- Foi no que deu o Confinamento por kalvas [22:01 Terça, 30 de Novembro de 2021]

Qualidade do peixe por Mekucb [21:14 Terça, 30 de Novembro de 2021]

Pesca em altura, qual é o vosso material? por simon [19:53 Terça, 30 de Novembro de 2021]

Carreto para Bóia por simon [19:25 Terça, 30 de Novembro de 2021]

Porque vejo mais referências a amostras do AliExpress do que dá Barros West Lab? por jayp [11:46 Terça, 30 de Novembro de 2021]

Duvida sobre montagem para carpas por HenriqueVFL [04:25 Terça, 30 de Novembro de 2021]