collapse

Autor Tópico: Engodo: a "essencia" da pesca ao feeder  (Lida 26387 vezes)

0 Membros e 1 Visitante estão a ver este tópico.

Offline Hugo Tarrafa

  • Robalo
  • ***
  • Mensagens: 140
  • Agradecido: 5 vezes
    • Pampilhosa
  • No Pesqueiro desde:
  • 15:29 Sábado, 10 de Outubro de 2015
Engodo: a "essencia" da pesca ao feeder
« em: 03:28 Domingo, 18 de Outubro de 2015 »
Saudações caros colegas:)

    Começo por clarificar que a escolha deste nome em especifico para o presente tópico não foi,de modo algum, por acaso. O trocadilho é intencional pois o engodo para mim trata-se da peça fundamental desta pesca ao passo que há simultaneamente no título um reparo àquilo que é uma das mais importantes características do engodo, o aroma...que é de onde resulta o seu poder de atracão.
    Tenho para mim que a dedicação que se deve dar ao engodo na pesca ao feeder deve ser bastante superior à aplicada em todas as outras pescas. Não que outros métodos de pesca não o mereçam mas sim porque em nenhum outro existe uma correlação tão grande entre o engodo e a probabilidade de pescar com sucesso.
Na pesca ao feeder o engodo assume um papel simultâneo de engodo, isco e chumbada ao mesmo tempo (de louvar não? ;D ), pelo que o cuidado com a sua composição deve ser redobrado para que possa satisfazer todas as necessidades de cada pescador, peixe, cana e local ao mesmo tempo o que por vezes se pode tornar mais difícil do que aparenta. Por este motivo decidi abrir mais um tópico para discussão exclusiva de engodos e iscos claro :D Aqui poderão encontrar e postar tudo desde receitas de engodo, dicas para seu melhoramento, marcas favoritas, técnicas associadas ...etc, etc

    Posto isto, eu RARAMENTE compro um engodo feito, sempre tive o jeito de fazer o meu próprio engodo consoante cada situação e após indo experimentando alguns e dando também a experimentar consegui elaborar algumas receitas que se têm provado cada vez mais eficazes e ainda bem :) Talvez goste de o fazer porque como gosto de pescar e adoro  cozinhar, veja a arte de fazer engodos( sim é uma arte e da qual me confesso ainda um pupilo face a grandes mestres ) como uma espécie de zona mista, dando a impressão que estou a "cozinhar" para os peixes e que quero muito a sua  aprovação eheh xD ... Mas a verdade é que isto começou pela razão do costume ...o engodo é caro!! E acreditem feito em casa, com tempo e paciência fica muito menos dispendioso e tão ou mais atractivo!

    Para a construção de qualquer engodo é necessário antes de mais conhecer minimamente o local onde vamos pescar ( corrente, profundidade, tipo de fundo, cor da água ...) e claro a(s) espécie(s) que tencionamos direccionar a nossa atenção enquanto pescadores, pois nunca se esqueçam que o engodo é também um meio de tornar a pesca mais selectiva e específica o que traz mais triunfo (e prazer) ao pescador que apanha aquilo a que se propôs a apanhar em primeiro lugar.

    Ora conhecendo o animal que procuramos(ex: boga) ou a família de animais que procuramos (ex: ciprinídeos) e conhecendo os seus hábitos alimentares, rotinas comportamentais( ex: forma de investir no alimento) e rotinas metabólicas ( ex: horas de actividade ), podemos de melhor forma orientar com mais alguma precisão a construção do nosso engodo naquela que será a direcção mais frutífera.

Nunca esquecer que cada engodo tem uma identidade única , ou seja, as propriedades associadas a cada engodo são únicas do mesmo e irrepetíveis sem a receita. As propriedades a ter em conta na construção de um engodo são o seu ]Sabor, Cor, Aroma, Aspecto mecânico, Granulometria, Valor nutritivo e claro o Custo :) .

    Em cada engodo é necessário encontrar um sabor, cor e aroma que atraiam o peixe que queremos segundo as condições do local, que sejam bem balanceados do ponto de vista mecânico, ou seja, se têm bom equilíbrio entre o colante e o dispersante (mais uma vez sempre adequado ao local e espécie), se a sua granulometria (tamanho das diferentes partículas empregues) se adequa ao tamanho e dieta dos peixes que pretendemos ferrar e se o seu valor nutritivo é suficientemente interessante que compele o peixe a se alimentar mas não suficientemente nutritivo que rapidamente farte o peixe, deixando nos de mãos a abanar.

    Este é o equilíbrio básico que se deve procurar satisfazer em qualquer engodo, aprofundarei todos estes temas ao longo do decorrer do tópico e deixarei mais dicas e até receitas :)

Espero ouvir agora de vós ;)

Obrigado, Saúde e boas pescarias!! ;)
« Última modificação: 03:33 Domingo, 18 de Outubro de 2015 por Hugo Tarrafa, Motivo: má visibilidade »
 
Os seguintes utilizadores agradeceram esta mensagem: Ricardo Fernandes

Offline jmet

  • Robalo
  • ***
  • Mensagens: 219
  • Agradecido: 48 vezes
    • Lisboa
  • No Pesqueiro desde:
  • 16:09 Quinta, 26 de Dezembro de 2013
Re: Engodo: a "essencia" da pesca ao feeder
« Responder #1 em: 11:16 Terça, 20 de Outubro de 2015 »
Meu caro jovem

Excelente post o seu.

O amigo parece aqueles políticos que falam, falam, falam e não dizem nada.

E, no fim, diz que quer ouvir-nos. Nós também o queríamos ouvir a si, mas não a dizer banalidades que na prática não são nada.

Diz que faz os seus engodos mas não se descai sequer com uma receitazinha.

O que é quer que a gente lhe diga?...


Saúde
 

Offline dpeneireiro

  • Marlin
  • *****
  • Mensagens: 1211
  • Agradecido: 67 vezes
  • Pescar não é somente apanhar peixe.
    • Tomar
  • No Pesqueiro desde:
  • 15:03 Quinta, 26 de Dezembro de 2013
Re: Engodo: a "essencia" da pesca ao feeder
« Responder #2 em: 12:06 Terça, 20 de Outubro de 2015 »
jmet (ou sr. jmet como preferir), eu tive exatamente a mesma reação inicial, mas vi que o companheiro quer apenas que comecemos uma discussão aberta para começar a dar cartas... aliás, ele já se começou a redimir num outro tópico nesta mesma secção (aberta a pedido dele).

Pode ver aqui Não está autorizado a ver ligações. Registe-se ou Entre a seguinte rsposta:

Não está autorizado a ver ligações. Registe-se ou Entre
Não está autorizado a ver ligações. Registe-se ou Entre
A ultima vez foi em Setembro em Avis e utilizei uma cana de carp fishing, mola e massa composta por engodo comercial para carpas misturado com a farinha resultante da  mistura de bolachas e pão triturados na Bimby, O que notei é que a dita farinha quando  esticava mais os lançamentos desfazia-se no ar ou ao bater na água.O que dava depois origem a poucos toques. Quando lançava para perto até 20 mts isso não acontecia e os toques eram mais rápidos e frequentes.
Agradeço que dêem dicas, quanto ao tipo de engodo, modo de preparação e iscos a utilizar.
Peço que não utilizem termos técnicos só acessíveis aos especialistas senão fico para aqui aos papeis.
Fiquem bem

Sr Seabra experimente a essa sua mistura o seguinte: cosa duas maozadas de milho partido,desse para as pombas,e uma de trigo(opcional) em agua pouca( um litro chega e sobra )... tome especial cuidado para não agarrar ou queimar , a mistura irá engrossar bastante se o fizer correctamente. essa goma nao é mais do que amido e vem carregado de sabor a milho e trigo que enriquece muito o engodo tal como as partículas maiores de milho e trigo que atraem carpas de boa dimensão especialmente iscando com milho. O amido vai tornar o engodo mais colante , resistindo melhor ao lançamento, experimente também compactar mais o engodo na mola :)

Obrigado, Saúde e boas pescarias :)



Ai já há um lamiré do que se pretende para este post. Espero é que o sr. Hugo desenvolva ainda mais. Até porque eu pesco em rio, noutras modalidades, e gostaria de saber um pouco mais sobre engodos.

Eu mesmo, mais tarde, quando tiver tempo, irei aqui colocar algumas dicas que uso também em rio. Mas passa muito por cânhamo alternado com bichos para as bogas e barbos a iscar com pão francês ou bichos, e trigo solto com algum milho e bichos para as carpas e barbos, a  iscar com milho e bichos também.  Mas eu uso isto para a francesa... para feeder deve dar também mas não sei, fico a aguardar mais alguém que se pronuncie sendo que o engodo é muitas vezes considerado um segredo a não partilhar.

Abrço.
 
 

Offline Hugo Tarrafa

  • Robalo
  • ***
  • Mensagens: 140
  • Agradecido: 5 vezes
    • Pampilhosa
  • No Pesqueiro desde:
  • 15:29 Sábado, 10 de Outubro de 2015
Re: Engodo: a "essencia" da pesca ao feeder
« Responder #3 em: 17:38 Terça, 20 de Outubro de 2015 »
Não está autorizado a ver ligações. Registe-se ou Entre
Meu caro jovem

Excelente post o seu.

O amigo parece aqueles políticos que falam, falam, falam e não dizem nada.

E, no fim, diz que quer ouvir-nos. Nós também o queríamos ouvir a si, mas não a dizer banalidades que na prática não são nada.

Diz que faz os seus engodos mas não se descai sequer com uma receitazinha.

O que é quer que a gente lhe diga?...


Saúde



Peço desculpas se fui mal interpretado mas não deixo de notar um tom demasiadamente pejorativo na sua resposta, antes capacidade discursiva ( ou falaciosa como fui acusado ), que criticar apenas por criticar. De facto a minha intenção é simples, queria apenas que membros Deste Pesqueiro interagissem mediante este tema, tentando sempre dinamizar ao máximo os meus tópicos de interesse mas nunca monopolizando-os... lá porque pedi a abertura desta secção e iniciei todos os tópicos da mesma não significa de modo algum que queira protagonizá-la, estrelatos não são comigo.
Se com esse seu ataque pretende que eu lhe passe uma receita de engodo,bastava ter pedido e teria todo o gosto de o ensinar.
Que graça teria (ou interesse ), eu ter publicado todas as minhas dicas e conhecimentos num único post, "secando" assim este tópico, tornando-o numa pagina de leitura e não naquilo que é: um fórum de discussão.
NÃO! Minha intenção é de facto ver as pessoas a falarem sobre pesca ao feeder e participar tal como qualquer outro utilizador, desculpe lá se as fiquei aquém das suas expectativas.

Agora se tem alguma coisa a dizer sobre engodo aplicável a este tipo de pesca agradeço que o faça, se não...pois bem se não tem, peça conselhos ou retenha-se de comentários desse tipo.

Peço desculpas a todos por um post que não tem absolutamente nada a ver com pesca mas tinha de me defender ...

E se dinamizar nem que seja um bocadinho o tópico então postarei brevemente uma receito ou dica sobre engodos, Obrigado 
 

Offline A Machado

  • Marlin
  • *****
  • Mensagens: 4030
  • Agradecido: 185 vezes
  • Eu...hum... eu é que sou o Comendador.....
    • Braga VVD
  • No Pesqueiro desde:
  • 12:21 Segunda, 28 de Julho de 2014
Re: Engodo: a "essencia" da pesca ao feeder
« Responder #4 em: 17:42 Terça, 20 de Outubro de 2015 »
Pronto.
Agora com calma, vamos todos ver o que temos para adubar o assunto, numa base da partilha e cooperação. ;)
Os políticos e as fraldas devem ser mudados frequentemente e pela mesma razão (Eça de Queiroz)
 

Offline Hugo Tarrafa

  • Robalo
  • ***
  • Mensagens: 140
  • Agradecido: 5 vezes
    • Pampilhosa
  • No Pesqueiro desde:
  • 15:29 Sábado, 10 de Outubro de 2015
Re: Engodo: a "essencia" da pesca ao feeder
« Responder #5 em: 17:45 Terça, 20 de Outubro de 2015 »
Obrigado dpeneireiro por ter entendido a minha intenção melhor que muitos!


RECEITA ENGODO CARPA p/ FEEDER


FARINHA 115------------------------5Kg
MILHO PARTIDO COZIDO----------400g
TRIGO COZIDO-----------------------500g
FARINHA BISCOITO BAUNILHA----3Kg
FARINHA BOLACHA TORRADA-----1 PACOTE (200g)
FARINHA WAFER BAUNILHA -------1/2 PACOTE (100g)
FARINHA NOZ-------------------------60g
ERVA-DOCE----------------------------10g
CHOCOLATE PÓ------------------------200g
AÇUCAR---------------------------------200g
                                                     ________________________
                                                                   ~ 9,7 kG



porque se escondem receitas de engodos caseiros nunca saberei, não é como se fosse uma receita de restaurante... mesmo que vá a um concurso e veja que alguém usa a minha receita, então só terei orgulho de mim, se o vendesse era diferente mas pronto... e depois então que vencesse o melhor ..........melhor agora?
 
Os seguintes utilizadores agradeceram esta mensagem: Mbellotti

Offline A Machado

  • Marlin
  • *****
  • Mensagens: 4030
  • Agradecido: 185 vezes
  • Eu...hum... eu é que sou o Comendador.....
    • Braga VVD
  • No Pesqueiro desde:
  • 12:21 Segunda, 28 de Julho de 2014
Re: Engodo: a "essencia" da pesca ao feeder
« Responder #6 em: 17:48 Terça, 20 de Outubro de 2015 »
Viva Hugo,

como só pesco no mar, tens alguma "Receita da Avó", nalgum baú que dê para o efeito e me poupe ao fedor pestilento dos menus de sardinha ?  ;)
Os políticos e as fraldas devem ser mudados frequentemente e pela mesma razão (Eça de Queiroz)
 

Offline Hugo Tarrafa

  • Robalo
  • ***
  • Mensagens: 140
  • Agradecido: 5 vezes
    • Pampilhosa
  • No Pesqueiro desde:
  • 15:29 Sábado, 10 de Outubro de 2015
Re: Engodo: a "essencia" da pesca ao feeder
« Responder #7 em: 17:49 Terça, 20 de Outubro de 2015 »
faço o meu próprio biscoito de baunilha , bastante barato feitas as contas .... estou claro disposto a publicar, não fiquem com o dente aguçado pois não é próprio para consumo humano , mas peixes é com ele ;)

 

Offline A Machado

  • Marlin
  • *****
  • Mensagens: 4030
  • Agradecido: 185 vezes
  • Eu...hum... eu é que sou o Comendador.....
    • Braga VVD
  • No Pesqueiro desde:
  • 12:21 Segunda, 28 de Julho de 2014
Re: Engodo: a "essencia" da pesca ao feeder
« Responder #8 em: 17:51 Terça, 20 de Outubro de 2015 »
Não está autorizado a ver ligações. Registe-se ou Entre
faço o meu próprio biscoito de baunilha , bastante barato feitas as contas .... estou claro disposto a publicar, não fiquem com o dente aguçado pois não é próprio para consumo humano , mas peixes é com ele ;)



E dá para "botar" aí uma dicazinha ?
Os políticos e as fraldas devem ser mudados frequentemente e pela mesma razão (Eça de Queiroz)
 

Offline Hugo Tarrafa

  • Robalo
  • ***
  • Mensagens: 140
  • Agradecido: 5 vezes
    • Pampilhosa
  • No Pesqueiro desde:
  • 15:29 Sábado, 10 de Outubro de 2015
Re: Engodo: a "essencia" da pesca ao feeder
« Responder #9 em: 17:58 Terça, 20 de Outubro de 2015 »
Não está autorizado a ver ligações. Registe-se ou Entre
Viva Hugo,

como só pesco no mar, tens alguma "Receita da Avó", nalgum baú que dê para o efeito e me poupe ao fedor pestilento dos menus de sardinha ?  ;)


Estou neste momento a desenvolver um para o mar, quero tentar incorporá-lo de alguma forma nas minhas montagens de SurfCasting ou para a pesca a bóia :) ...mas não sei se lhe poupo do fedor da sardinha xD

mas fica uma dica que aprendi com um velhote amigo de meu pai (ele não se chateia, conta a toda a gente xP ), não sei se será útil mas se pescar relativamente perto e perpendicularmente a um molhe ( a bóia por exemplo) é uma grande ajuda descer um pouco mais até à linha de água (com segurança só), e com um martelo esmagar uma boa área de mexilhão agarrado à rocha, vai soltando os seus aromas e pequenos pedaços de alimento a cada vaga chamando gradualmente peixes pequenos, aos quais com sorte e talvez algum engodo extra seguirão uns predadores de melhor porte :)
 

Offline Hugo Tarrafa

  • Robalo
  • ***
  • Mensagens: 140
  • Agradecido: 5 vezes
    • Pampilhosa
  • No Pesqueiro desde:
  • 15:29 Sábado, 10 de Outubro de 2015
Re: Engodo: a "essencia" da pesca ao feeder
« Responder #10 em: 18:01 Terça, 20 de Outubro de 2015 »
Não está autorizado a ver ligações. Registe-se ou Entre
Não está autorizado a ver ligações. Registe-se ou Entre
faço o meu próprio biscoito de baunilha , bastante barato feitas as contas .... estou claro disposto a publicar, não fiquem com o dente aguçado pois não é próprio para consumo humano , mas peixes é com ele ;)



E dá para "botar" aí uma dicazinha ?

Não para si meu caro :D isto é doce só resulta em aguas interiores e sei que só pesca no mar :D ...mas é simples: todo o biscoito é feito com uma qualquer variação de massa areada, para isso é preciso muita manteiga( cara ) eu uso óleo e nem fula é .. que é muito muito mais barato é uma questao de saber ajustar quantidades, gordura é gordura....
 

Offline A Machado

  • Marlin
  • *****
  • Mensagens: 4030
  • Agradecido: 185 vezes
  • Eu...hum... eu é que sou o Comendador.....
    • Braga VVD
  • No Pesqueiro desde:
  • 12:21 Segunda, 28 de Julho de 2014
Re: Engodo: a "essencia" da pesca ao feeder
« Responder #11 em: 18:02 Terça, 20 de Outubro de 2015 »
Não está autorizado a ver ligações. Registe-se ou Entre
Não está autorizado a ver ligações. Registe-se ou Entre
Viva Hugo,

como só pesco no mar, tens alguma "Receita da Avó", nalgum baú que dê para o efeito e me poupe ao fedor pestilento dos menus de sardinha ?  ;)


Estou neste momento a desenvolver um para o mar, quero tentar incorporá-lo de alguma forma nas minhas montagens de SurfCasting ou para a pesca a bóia :) ...mas não sei se lhe poupo do fedor da sardinha xD

mas fica uma dica que aprendi com um velhote amigo de meu pai (ele não se chateia, conta a toda a gente xP ), não sei se será útil mas se pescar relativamente perto e perpendicularmente a um molhe ( a bóia por exemplo) é uma grande ajuda descer um pouco mais até à linha de água (com segurança só), e com um martelo esmagar uma boa área de mexilhão agarrado à rocha, vai soltando os seus aromas e pequenos pedaços de alimento a cada vaga chamando gradualmente peixes pequenos, aos quais com sorte e talvez algum engodo extra seguirão uns predadores de melhor porte :)

A dica é boa, embora já a conheça, o problema é que se faço isso fico de "férias" na Galiza....  C:-) C:-) C:-)
Os políticos e as fraldas devem ser mudados frequentemente e pela mesma razão (Eça de Queiroz)
 

Offline Hugo Tarrafa

  • Robalo
  • ***
  • Mensagens: 140
  • Agradecido: 5 vezes
    • Pampilhosa
  • No Pesqueiro desde:
  • 15:29 Sábado, 10 de Outubro de 2015
Re: Engodo: a "essencia" da pesca ao feeder
« Responder #12 em: 18:10 Terça, 20 de Outubro de 2015 »
Não está autorizado a ver ligações. Registe-se ou Entre
A dica é boa, embora já a conheça, o problema é que se faço isso fico de "férias" na Galiza....    


AHAHAH, um Pescador consagrado com certeza, pois isso das "férias" é mais chato... é que aqueles mexilhões nem bons para comer são, apanham muito sol mas é assim :)
 

Offline kalvas

  • Gestor do Pesqueiro
  • Marlin
  • *****
  • Mensagens: 14197
  • Agradecido: 901 vezes
    • Sintra
  • No Pesqueiro desde:
  • 20:48 Segunda, 30 de Dezembro de 2013
Re: Engodo: a "essencia" da pesca ao feeder
« Responder #13 em: 18:43 Terça, 20 de Outubro de 2015 »
Também pratico a francesa quando há tempo e disponibilidade.Alias é a minha pesca .
O mar é só para tirar as dores de não poder pescar em rio. ;)

Mas ao contrário das opiniões que leio nem sempre engodo .E tenho vindo a reduzir os elementos que adicionava antes (milho,trigo(pouco) e asticôt morto. O cânhamo e a ervilhaca não misturo no engodo, só fisgo.
E se antes dava 3 ou 4 euros por cada saco agora jamais. Embora todo o que uso seja de compra, com o tempo tenho vindo a reduzir e até não engodar.

Já tenho feito boas pescas sem o engodo e nos casos em que estou sem conhecer o local,ou sem  ter tido já alguma informação, até o evito.
É que nem sempre ele traz a espécie que se quer.

Por vezes também chama os pequenos e os indesejáveis.

Bom tópico.
Abraço.
Trabalhador por obrigação ; pescador por gosto.
 

Offline Hugo Tarrafa

  • Robalo
  • ***
  • Mensagens: 140
  • Agradecido: 5 vezes
    • Pampilhosa
  • No Pesqueiro desde:
  • 15:29 Sábado, 10 de Outubro de 2015
Re: Engodo: a "essencia" da pesca ao feeder
« Responder #14 em: 22:53 Terça, 20 de Outubro de 2015 »
Não está autorizado a ver ligações. Registe-se ou Entre
Também pratico a francesa quando há tempo e disponibilidade.Alias é a minha pesca .
O mar é só para tirar as dores de não poder pescar em rio. ;)

Mas ao contrário das opiniões que leio nem sempre engodo .E tenho vindo a reduzir os elementos que adicionava antes (milho,trigo(pouco) e asticôt morto. O cânhamo e a ervilhaca não misturo no engodo, só fisgo.
E se antes dava 3 ou 4 euros por cada saco agora jamais. Embora todo o que uso seja de compra, com o tempo tenho vindo a reduzir e até não engodar.

Já tenho feito boas pescas sem o engodo e nos casos em que estou sem conhecer o local,ou sem  ter tido já alguma informação, até o evito.
É que nem sempre ele traz a espécie que se quer.

Por vezes também chama os pequenos e os indesejáveis.

Bom tópico.
Abraço.

Percebo perfeitamente aquilo que diz sobre " o perigo de engodar" chamemos-lhe assim :) ... e em pesca francesa faz todo o sentido, um grande amigo pesca assim desde criancinha e também quase nunca engoda, fisga antes milho e também algum asticot.
No entanto apesar de estarmos a falar de engodos um pouco em geral ,compreensivelmente e ainda bem , nunca devemos esquecer que é um tópico subordinado à pesca ao feeder, onde claro está o engodo é a chave que a diferencia :)
obrigado pela força, continue atento talvez até escolha aventurar-se nesta modalidade ;)


Obrigado, saúde e boas pescarias !!
 

 

* Tópicos Recentes

Roupa spinning por Eduardo7 [Hoje às 03:10]

guardem as velas velhas dos vossos carros, vão fazer falta!!! por amateus [21:03 Quarta, 27 de Outubro de 2021]

Cana para ria formosa por Peko [20:13 Quarta, 27 de Outubro de 2021]

Chumbadas de garra e linha do carreto em monofilamento por inc.pt [17:22 Quarta, 27 de Outubro de 2021]

Ajuda a escolher cana de surfcasting por carrageis [17:18 Quarta, 27 de Outubro de 2021]

Amostras spinning mar por Eduardo7 [15:05 Quarta, 27 de Outubro de 2021]

Botas rapala vs botas seac neoprene por Nelson Peres [12:50 Quarta, 27 de Outubro de 2021]

Pesqueiros Ribatejo por Rider [10:00 Quarta, 27 de Outubro de 2021]

Asticot no Mar por Márcio Coragem [19:25 Terça, 26 de Outubro de 2021]

Shock leader por Eduardo7 [13:37 Terça, 26 de Outubro de 2021]