Não está autorizado a ver ligações. Registe-se ou Entre
Desconfina com roupinha nova!!!
Não está autorizado a ver ligações. Registe-se ou Entre
collapse

Autor Tópico: Quase abalroamento em pleno areal  (Lida 1283 vezes)

0 Membros e 1 Visitante estão a ver este tópico.

Offline jomartes

  • Marlin
  • *****
  • Mensagens: 691
  • Agradecido: 81 vezes
  • No Pesqueiro desde:
  • 02:41 Sábado, 18 de Agosto de 2018
Quase abalroamento em pleno areal
« em: 20:21 Quinta, 08 de Outubro de 2020 »
Companheiros vou vos relatar sem me alongar o que se passou comigo e com a minha filha na praia do Carvoeiro Algarve

Existem pelo menos 7 embarcações marítimo turísticas de 7 metros e motores de 50 a 100 HP naquela praia minúscula cujo método para tirar a embarcação de dentro de água é acelerar a fundo e entrar pelo areal adentro.

Pois bem hoje houve uma embarcação que desgovernada veio direta a nós a todo o gás entrou 6 ou 7 metros pelo areal e não me tivesse atirado para o lado e agarrado na minha filha tínhamos ficado debaixo dela.

Tudo isto depois de ter perguntado ao ajudante das embarcações se podias estar ali ao que respondeu que sim.
Mesmo assim começamos a ver muita movimentação e afastamos uns metros,de nada valeu ainda foi pior.

Nem um pedido de desculpa nem perguntaram se estávamos bem nada..vagaram bem alto para nós.

Foi apresentada queixam crime contra esses senhores eles sabem quem são GNR que a capitania já estava fechada.
Situações como está não se podem voltar a repetir
 

Offline emaalm

  • Carapau
  • **
  • Mensagens: 65
  • Agradecido: 15 vezes
    • Faro
  • No Pesqueiro desde:
  • 12:41 Sábado, 09 de Janeiro de 2016
Re: Quase abalroamento em pleno areal
« Responder #1 em: 21:13 Quinta, 08 de Outubro de 2020 »
Pois, infelizmente é um tema recorrente esse e outras situações aqui pelo Algarve. Infelizmente essas embarcações maritimo turisticas que começaram inicialmente por serem antigos pescadores reformados a quererem mostrar a beleza do Algarve a quem vem de fora, e obviamente com isso ganhar uns trocos, essa situação juntamente com as concessões tornou-se um negócio demasiado valioso e político. E infelizmente ninguém faz nada qto a isso. Muito pelo contrario. Mais ano menos ano, não existe 1 mto numa praia para colocar 1 chapeu de sol ou 1 cana de pesca. Cada vez as concessoes são mais alargadas no espaço e no tempo de duração.

Aqui na minha zona, embarcacoes maritimo turisticas é o que há mais. A ria formosa está carregada. Não querem saber por onde passam, não cumprem regras de navegação, nem regras de fauna e flora. Não há regras. E isso ve-se nas marinas. Eu quero comprar um barco e coloca-lo numa marina e não existe lugar e listas de espera brutais. No ano que vem, vais a essa marina e já tem mais 2 ou 3 barcos desses.

Enfim. É triste, é pena, é irritante e um dia todos vamos pagar por isso. Ou nós ou os nossos filhos. Resta-nos fazer a nossa parte, nomeadamente o que jomartes fez. Não será o suficiente, mas é o que nos resta.

Abraços a todos e espero que o jomartes e a filha estejam bem que é o mais importante.

Emanuel
 
Os seguintes utilizadores agradeceram esta mensagem: jomartes

Offline jomartes

  • Marlin
  • *****
  • Mensagens: 691
  • Agradecido: 81 vezes
  • No Pesqueiro desde:
  • 02:41 Sábado, 18 de Agosto de 2018
Re: Quase abalroamento em pleno areal
« Responder #2 em: 21:42 Quinta, 08 de Outubro de 2020 »
Obrigado pela solidariedade emaal,felizmente tudo não passou de um grande susto,ainda estou a ver a proa do barco entrar pala areia direito a nós,ter parado a 1 metro foi um milagre,mas um casal q estava á nossa frente ainda teve mais sorte,o barco passou lhes a menos de meio metro,ficaram sem reação para nada.
Ainda lhes perguntei quem era o responsável pela embarcação,mas ninguém parecia perceber português.
Fui direto á GNR que foram impecáveis e em off  o agente confidenciou me que aquilo é tudo gente intratável.
A queixa crime vai até às últimas consequências demore o tempo que demorar.

Quanto ao seu relato vai de encontro ao que o GNR me disse, é um negócio de milhares e entre toldos e barcos marítimo turísticos qualquer dia não há onde por um chapéu uma cana de pesca ou fazer caça sub que era o que eu me preparava para fazer amanhã mas sinceramente já perdi a pica toda...cumps
« Última modificação: 21:49 Quinta, 08 de Outubro de 2020 por jomartes »
 

Offline jomartes

  • Marlin
  • *****
  • Mensagens: 691
  • Agradecido: 81 vezes
  • No Pesqueiro desde:
  • 02:41 Sábado, 18 de Agosto de 2018
Re: Quase abalroamento em pleno areal
« Responder #3 em: 00:01 Sexta, 09 de Outubro de 2020 »
Entretanto seguiram emails para a capitania do porto de Portimão e para a autoridade marítima nacional a informar da queixa crime.
Seguiu também a sugestão de fiscalizarem a retirada dos barcos a toda a velocidade pelo areal no meio dos banhistas e o perigo que representa para os mesmos se o cabo de aço que os puxa para o interior da praia se parte.

Obrigado a todos por lerem este desabafo.
 

Offline Sansoni7

  • Corvina
  • ****
  • Mensagens: 294
  • Agradecido: 53 vezes
    • Porto
  • No Pesqueiro desde:
  • 13:23 Segunda, 06 de Agosto de 2018
Re: Quase abalroamento em pleno areal
« Responder #4 em: 07:51 Sexta, 09 de Outubro de 2020 »
Não desista...por si...e por todos nós!
 
Os seguintes utilizadores agradeceram esta mensagem: jomartes

Offline jomartes

  • Marlin
  • *****
  • Mensagens: 691
  • Agradecido: 81 vezes
  • No Pesqueiro desde:
  • 02:41 Sábado, 18 de Agosto de 2018
Re: Quase abalroamento em pleno areal
« Responder #5 em: 12:18 Terça, 13 de Outubro de 2020 »
não vou desistir,situações destas não podem voltar a acontecer.

Já enviei um email para a presidente da CM de Lagoa a relatar o sucedido.

vejam o video e multipliquem por 7 que são as embarcações que operam no Carvoeiro.
Metade da praia é deles.
« Última modificação: 12:23 Terça, 13 de Outubro de 2020 por jomartes »
 
Os seguintes utilizadores agradeceram esta mensagem: Sansoni7

Offline Ernesto Lima

  • Marlin
  • *****
  • Mensagens: 1653
  • Agradecido: 813 vezes
    • Setúbal
    • A Minha Pesca
  • No Pesqueiro desde:
  • 14:46 Quinta, 13 de Fevereiro de 2014
Re: Quase abalroamento em pleno areal
« Responder #6 em: 12:59 Terça, 13 de Outubro de 2020 »
Viva Jomartes.

De facto, isso é o que se chama um atentado. Não se justifica que as autoridades não actuem.

Ainda se tivessem uma zona vedada, para o fazerem..., mas, segundo o vídeo, e conhecendo as dimensões reduzidas dessa praia, tudo indica que é mesmo uma selva.

Mesmo com zona vedada, esta teria de garantir que miúdos e graúdos não tivessem hipótese de, inadvertidamente, lá entrar. Não é minimamente aceitável que tal aconteça.

Pior que tudo será: terem licença para o fazerem. Se assim for, então eles não são os únicos culpados.

Custa-me acreditar que um Capitão de Porto autorize uma enormidade dessas.

Cumprimentos

Ernesto
« Última modificação: 13:00 Terça, 13 de Outubro de 2020 por Ernesto Lima »
Quanto mais pesco... mais sinto necessidade de aprender sobre a pesca.
 
Os seguintes utilizadores agradeceram esta mensagem: Sansoni7, jomartes

Offline jomartes

  • Marlin
  • *****
  • Mensagens: 691
  • Agradecido: 81 vezes
  • No Pesqueiro desde:
  • 02:41 Sábado, 18 de Agosto de 2018
Re: Quase abalroamento em pleno areal
« Responder #7 em: 13:19 Terça, 13 de Outubro de 2020 »
Pois é Mestre Ernesto,não se compreende mesmo como é possivel terem licença para um trabalho destes.
Parece que os €€€€ falam mais alto.

Praticamente todos os anos vou àquela praia e sempre houve actividade maritimo turistica,mas nada como vi este ano,os barcos são maiores e em maior quantidade.
Se isto é assim nesta altura quero ver como vai ser em plena época balnear.
Basta que uma onda de sudeste bata na embarcação com mais força (que foi o que aconteceu) e a embarcação fica sem controle e com o acelerador no máximo.
Os barcos depois de estarem em terra são puxados com cabos de aço por um guincho,nesse dia andavam a passar os cabos pelo meio dos banhistas sem sequer pedirem para se afastarem,se um cabo daqueles se parte vai ser uma desgraça das grandes.
Com metade da praia para os barcos e mais outro tanto para os toldos da concessão onde é que os banhistas espetam um chapéu?
Uma praia que era um paraíso transformada num pesadelo,por mim não me apanham lá mais enquanto esta situação durar,com grande tristeza minha.
cumps
« Última modificação: 13:35 Terça, 13 de Outubro de 2020 por jomartes »
 

Offline jomartes

  • Marlin
  • *****
  • Mensagens: 691
  • Agradecido: 81 vezes
  • No Pesqueiro desde:
  • 02:41 Sábado, 18 de Agosto de 2018
Re: Quase abalroamento em pleno areal
« Responder #8 em: 13:53 Terça, 13 de Outubro de 2020 »
por coincidência,(será ?) a camera que filma a praia e que era rotativa,oferecia uma panoramica total da praia,de alguns dias para cá encontra-se fixa não mostrando onde os barcos operam,será coincidência ou não convêm mostrar a bandalheira que por lá se passa?
é possível que o motor da camera esteja avariado,dou-lhes o beneficio da dúvida.

1º foto da câmera

2º foto total da praia,é antiga e mostra os barcos que na altura lá levavam os turistas a passear e que eram operados por pescadores que assim acrescentavam alguns euros ao seu pargo rendimento.
Nada têm que ver com a actual selvajaria levada a cabo por empresários sem escrupulos
« Última modificação: 13:58 Terça, 13 de Outubro de 2020 por jomartes »
 
Os seguintes utilizadores agradeceram esta mensagem: Sansoni7

Offline Sansoni7

  • Corvina
  • ****
  • Mensagens: 294
  • Agradecido: 53 vezes
    • Porto
  • No Pesqueiro desde:
  • 13:23 Segunda, 06 de Agosto de 2018
Re: Quase abalroamento em pleno areal
« Responder #9 em: 07:39 Quarta, 14 de Outubro de 2020 »
Não me acredito em coincidências......
Interessa publicitar uma praia....«segura»!
 
Os seguintes utilizadores agradeceram esta mensagem: jomartes, pedroftsilva

Offline jomartes

  • Marlin
  • *****
  • Mensagens: 691
  • Agradecido: 81 vezes
  • No Pesqueiro desde:
  • 02:41 Sábado, 18 de Agosto de 2018
Re: Quase abalroamento em pleno areal
« Responder #10 em: 12:52 Quarta, 14 de Outubro de 2020 »
UPDATE

No seguimento do email enviado à capitania de Portimão a relatar o incidente a resposta foi rápida por parte do Sr Capitão do porto que reenviou o assunto para policia maritima e outras entidades responsáveis nesta matéria.

quanto ao email enviado à CM Lagoa a resposta foi rápida também e foi informado o vereador do pelouro que fará as necessárias diligências...espero eu.
 Confesso que não espera respostas tão rápido,parece que estamos no bom caminho agora resta-me aguardar.

Há ainda o processo criminal que é para levar até às ultimas consequências caso ele não seja arquivado pela PM,se for para a frente a única coisa que quero é um pedido de desculpas e se possivel argumentar no sentido de obrigar quem de direito a reforçar a segurança para que tal nunca mais volte a acontecer.


« Última modificação: 12:55 Quarta, 14 de Outubro de 2020 por jomartes »
 

Offline Beto_Manja

  • Marlin
  • *****
  • Mensagens: 3185
  • Agradecido: 233 vezes
  • Já tenho saudades de ir à pesca....
    • Benedita
  • No Pesqueiro desde:
  • 09:37 Quinta, 26 de Dezembro de 2013
Re: Quase abalroamento em pleno areal
« Responder #11 em: 14:46 Quarta, 14 de Outubro de 2020 »
Boas,

Não costumo fazer férias nesta zona do Algarve mas, este ano até calhou! Andei pelos salgados, armação, sr.a da Rocha e, em todas elas, se nota um acréscimo brutal de embarcações MT, para visita às grutas na sua maioria.
Nas praias de maior dimensão, como é o caso de armação de pêra, têm as zonas designadas para os barcos abicarem, ainda assim, nota-se alguma dificuldade em afastar banhistas que são alheios à atividade...
Na sra. da rocha foi onde vi a maior anormidade por parte desses "senhores" dos barcos, sejam os MT's, sejam os pescadores locais, literalmente ocupam mais de 1 terço do areal, as manobras de abicar são abruptas e, como relatou um colega meu que presenciou a cena, não pedem licença para subir o barco no areal com os guinchos, passando até por cima de toalhas e chapéus de banhistas que se ausentaram...
É a selva, até acontecerem os inevitáveis acidentes e alguém tomar medidas, como já disse por aí, somos uma país de reação..
Cumprimentos,
Roberto

...e se tiver que me calhar uma grade...
...que seja de minis Sagres!!!
 
Os seguintes utilizadores agradeceram esta mensagem: jomartes

Offline jomartes

  • Marlin
  • *****
  • Mensagens: 691
  • Agradecido: 81 vezes
  • No Pesqueiro desde:
  • 02:41 Sábado, 18 de Agosto de 2018
Re: Quase abalroamento em pleno areal
« Responder #12 em: 15:14 Quarta, 14 de Outubro de 2020 »
Não está autorizado a ver ligações. Registe-se ou Entre
se nota um acréscimo brutal de embarcações MT, para visita às grutas na sua maioria.

Verdade Beto,eu tenho casa em silves,desde miudo quase todos anos vou lá abaixo,as embarcações MT aumentaram não só em numero como em tamanho de há meia duzia de anos para cá,aquilo é uma mina,25€ por cabeça dá um balurdio...fonte fidedigna confidenciou-me que um colega dedicou-se àquilo e logo no 1ª ano faturou mais de 70 mil euros.



Não está autorizado a ver ligações. Registe-se ou Entre
armação de pêra,

armação é o que se sabe,são aos milhares e até guerras com toalhas ás 6 da manha há.


Não está autorizado a ver ligações. Registe-se ou Entre
Na sra. da rocha

no dia a seguir a quase ter sido abalroado,fui á senhora da rocha mas como já fui tarde (4h pm) estava tudo tranquilo...mas pela foto imagina-se o que aquilo será no verão...a foto abaixo dá uma ideia do que será

fazer caça sub que é o meu(desporto) preferido está completamente fora de questão na época alta, desde que ao atravessar a famosa gruta de benagil me apareceram 3 barcos um deles para mais de 50 pessoas e transformaram o mar numa autêntica tempestade nunca mais,a minha  sorte foi estar ao pé de rochas para me agarrar,senão não sei se me safava

cumps
« Última modificação: 15:25 Quarta, 14 de Outubro de 2020 por jomartes »
 

Offline jomartes

  • Marlin
  • *****
  • Mensagens: 691
  • Agradecido: 81 vezes
  • No Pesqueiro desde:
  • 02:41 Sábado, 18 de Agosto de 2018
Re: Quase abalroamento em pleno areal
« Responder #13 em: 15:16 Quarta, 14 de Outubro de 2020 »
sr da da rocha...mais outra para esquecer...o tunel para a praia ao lado está cheio de areia,quando chegamos ao fundo tunel tivemos que ir de rastos :))
« Última modificação: 15:19 Quarta, 14 de Outubro de 2020 por jomartes »
 

Offline jomartes

  • Marlin
  • *****
  • Mensagens: 691
  • Agradecido: 81 vezes
  • No Pesqueiro desde:
  • 02:41 Sábado, 18 de Agosto de 2018
Re: Quase abalroamento em pleno areal
« Responder #14 em: 15:48 Quarta, 14 de Outubro de 2020 »
Não está autorizado a ver ligações. Registe-se ou Entre
Não me acredito em coincidências......
Interessa publicitar uma praia....«segura»!

começo a acreditar que tem toda a razão